2007/06/20

Private equity (V)

A ler, ainda sobre os private equity, Barbarians at the gate I, pelo Migas na respectiva Crónica:

Os investimentos de Private Equity são essenciais a um bom funcionamento dos mercados de capitais. Eles não existem para explorar falhas do mercado. Eles fazem parte integrante dele, são um dos seus mecanismos. O seu papel é o de facilitarem a reorganização da estrutura de capital de determinadas empresas como forma de extrair maior rentabilidade dos seus activos. Fazem-no ao nível de investimentos particulares em empresas não cotadas em bolsa, daí o adjectivo "private", e também através de operações que pegam numa empresa cotada ("pública" no sentido anglo-saxónico de livremente transaccionada) e a retiram da bolsa (...).

2 comentários:

Anónimo disse...

Uma vez que não sou economista, gostaria que alguma das talking heads aqui presentes me explicasse, em termos claros, o que é essa coisa da "private equity". Em que é que consiste.

Já agora: se eu quiser ter alguma "private equity", posso adquiri-la? Quais as vantagens e riscos se o fizer?

Luís Lavoura

JLP disse...

Wikipedia?