2008/07/03

Libertação de Ingrid Bettancourt



Ingrid Bettancourt, raptada por terroristas comunistas, e obrigada a viver 6 anos e meio de forma itinerante na selva, com os seus raptores. Foi alegadamente resgatada pelo exército Colombiano. É no entanto possível que tenha sido trocada pela libertação de alguns assassinos que irão passar o seu exílio confortavelmente em Paris.

Resta ouvir a posição do PCP, anfitrião das FARC na próxima festa do Avante. Irão lamentar o incidente? Irá Chavez enviar o exército para a fronteira Colombiana em modo de retaliação?

7 comentários:

caodeguarda disse...

vergonhoso o comentário do pcp... quase tão aberrante como o do Miguel Urbano Rodrigues no RESISTIR

pode ser consultado aqui...
http://www.pcp.pt/index.php?option=com_content&task=view&id=32180&Itemid=537
gosto particularmente do ponto 2...

podiam emigrar todos para a colômbia que Portugal agradecia

caodeguarda disse...

vergonhoso o comentário do pcp... quase tão aberrante como o do Miguel Urbano Rodrigues no RESISTIR

pode ser consultado aqui...
http://www.pcp.pt/index.php?option=com_content&task=view&id=32180&Itemid=537
gosto particularmente do ponto 2...

podiam emigrar todos para a colômbia que Portugal agradecia

Anónimo disse...

http://www1.folha.uol.com.br/folha/mundo/ult94u419133.shtml

trocado por terroristas, ou outra coisa... não me digam que eles andaram a dialogar com terroristas? Mas isso não era pecado mortal aqui há algum tempo atrás?

Pedro

Fabio disse...

Eu gostava muito que o PCP emitisse mais comunicados destes, e gostava muito que eles fossem amplamente divulgados. Talvez houvesse menos 10% de voto inútil e disparate neste país.

Guilherme Pontes disse...

A Ingrid veio salvar o Sarcomzi. Quem diria? Deve ter sido iluminação da Virgem.

Filipe Melo Sousa disse...

Sim guilherme: de certeza que o sarkozy fez algo muito vergonhoso. Terá feito algo moralmente ainda pior do que raptar pessoas e deixa-las a rastejar anos pela selva a apanhar todos os tipos de doença. A malta das FARC é que é porreiraça.

Guilherme Pontes disse...

Não ponhas lá coisas que eu não disse.Não se deduz que eu adiro às FARC, que não passa de um grupo de bandidos com cor política por conveniência.
Quanto às doenças...davam a Ingrid meio terminal. Está melhor que meia Lisboa.
Não topas que é uma encenação do Sarcoma? Agora em queda? O gajo abraçava e beijava não importa quem para lá ficar, como anda agora a lamber o cu ao presidente chinês.